Mostrando postagens com marcador música. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador música. Mostrar todas as postagens

Feliz Dia do Amigo !




 











Saudade . . . Palavra dolorida e cheia de sentimentos . . .


 




Que tal um vestido vermelho ?



A misteriosa lenda por trás da canção "The Lady in Red" do Chris de Burgh


Geralmente as canções são compostas baseadas em um momento romântico da vida de seu autor. Mas a famosa canção "A Dama de Vermelho" do Chris de Burg vai muito além disso: é um caso sobrenatural. 😂 Venha saber mais sobre a música que é um grande sucesso dos anos 80.

Significado Romântico da Música

A música 'Lady In Red', interpretada pelo cantor e compositor Chris De Burgh, é uma balada romântica que se tornou um clássico dos anos 80.

A letra descreve um momento de encantamento e admiração profunda do narrador pela figura de uma mulher vestida de vermelho, que se destaca em um evento social. A canção é marcada por uma melodia suave e uma atmosfera intimista, que realça a emoção transmitida pelas palavras.

O narrador expressa sua surpresa e fascínio ao ver a mulher em questão, destacando sua beleza e o brilho que ela exala. Ele observa a atenção que ela recebe de outros homens e a forma como ela se destaca na multidão.

A elegância da Mulher de Vermelho

A menção ao vestido e ao destaque no cabelo da mulher sugere que ela é alguém especial para o narrador, alguém que ele vê sob uma nova luz, talvez alguém que ele já conhecia, mas nunca havia percebido dessa maneira antes.

A expressão 'I have been blind' (Eu estive cego) indica uma revelação, um despertar para a beleza que estava diante dele o tempo todo.

A música também aborda o tema do amor à primeira vista e a conexão instantânea que pode ocorrer entre duas pessoas.

O refrão 'The lady in red is dancing with me, cheek to cheek' (A dama de vermelho está dançando comigo, rosto a rosto) evoca uma cena de proximidade e cumplicidade, onde o mundo ao redor desaparece, deixando apenas os dois em seu próprio universo.

Chris de Burg atualmente

A repetição das palavras 'I'll never forget the way you look tonight' (Eu nunca esquecerei a maneira como você está esta noite) reforça a ideia de um momento eternizado na memória do narrador, um instante de amor puro e inesquecível.

'Lady In Red' é uma celebração do amor romântico e da beleza que transcende o cotidiano, capturando o coração de ouvintes em todo o mundo. Mas também tem um outro significado, veja abaixo.

A Lenda da música The Lady In Red

Primeira versão

O mais interessante são as lendas que circulam sobre essa canção...

Segundo algumas fontes, o cantor fez a música baseada na lenda da Dama de Vermelho, que é a história do fantasma de uma moça que fora estuprada e morta e que, por ter esse fim tão violento, como forma de vingança, seduz homens em festas com a intenção de matá-los. Parece até um capítulo da série Sobrenatural não é?

Assim, quando um rapaz vai conduzí-la para casa, ela o leva até o cemitério diz:

- "Esta é a minha casa"!

Então os sinos da igreja soam, anunciando a meia noite e neste momento a mulher desaparece na frente do pretendente.

O fantasma da Mulher de Vermelho

Segunda versão

No começo dos anos oitenta, o cantor Chris de Burg disse a uma revista de música que compôs a música " Lady In Red " após viver uma experiência sobrenatural.

Ele afirmou que, uma vez na sua adolescência, estava numa festa e dançou com uma mulher de vermelho. Assim, pediu para acompanhá-la até sua casa. Desta maneira, a moça levou o artista até um cemitério e quando os sinos da igreja anunciaram meia noite, a mulher sumiu na frente dele.

Depois do fato, ele escreveu a música em 1977 e mostrou aos seus amigos, entre eles estava um produtor de filme. Após, nos anos oitenta, este mesmo produtor estava elaborando a trilha sonora para um filme chamado: A Dama de Vermelho e lembrou da história do Chris de Burg , convidando-o para fazer parte da trilha do filme. Eu não encontrei muitas fontes sobre essa lenda e acho que é lenda urbana mesmo...rsrs

O filme A Dama de Vermelho de 1984


Kelly LeBrock em Cena do Filme A Dama de Vermelho

The Woman in Red ( A Dama de Vermelho) é um filme americano de 1984 do gênero comédia romântica escrito e dirigido por Gene Wilder. É co-estrelado por Charles Grodin, Gilda Radner, Joseph Bologna, Judith Ivey e Kelly LeBrock.

O filme ganhou publicidade para Kelly LeBrock, uma modelo da vida real fazendo sua estreia na tela, particularmente para a cena do vestido voando com o vento, uma variação da pose icônica de Marilyn Monroe em The Seven Year Itch.

E então? O que você achou da lenda por trazer da canção? Atualmente o clipe original desta música encontra- se no Youtube e ele faz algumas referências sobre a lenda de uma mulher de vermelho que aparece e some do nada.... O que você acha? Misterioso não é?

E deixemos os mistérios de lado e vamos curtir a canção que é uma viagem maravilhosa. Até mais!!

Pesquisa e referências:

Imagens e Gifs do Google Imagens





















Se eu morrer antes de você

 



Padre Zezinho, Amizade talvez seja isso... São Paulo: Paulus Editora, 1988.

Nota: Apesar de muitas vezes atribuído, de forma errônea, a Chico Xavier, Vinicius de Moraes ou a Fernando Pessoa, o texto é da autoria de José Fernandes de Oliveira (conhecido como Padre Zezinho) e está publicado em seu livro de 1988 "Amizade talvez seja isso..."

Se eu morrer antes de você 
Padre Zezinho

Se eu morrer antes de você, faça-me um favor.

Chore o quanto quiser, mas não brigue com Deus por Ele haver me levado.

Se não quiser chorar, não chore.

Se não conseguir chorar, não se preocupe.

Se tiver vontade de rir, ria.

Se alguns amigos contarem algum fato a meu respeito, ouça e acrescente sua versão.

Se me elogiarem demais, corrija o exagero.

Se me criticarem demais, defenda-me.

Se me quiserem fazer um santo, só porque morri, mostre que eu tinha um pouco de santo, mas estava longe de ser o santo que me pintam.

Se me quiserem fazer um demônio, mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio, mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo.

Se falarem mais de mim do que de Jesus Cristo, chame a atenção deles.

Se sentir saudade e quiser falar comigo, fale com Jesus e eu ouvirei. Espero estar com Ele o suficiente para continuar sendo útil a você, lá onde estiver.

E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim, diga apenas uma frase :
'- Foi meu amigo, acreditou em mim e me quis mais perto de Deus!'

Aí, então derrame uma lágrima.

Eu não estarei presente para enxuga-la, mas não faz mal.

Outros amigos farão isso no meu lugar.

E, vendo-me bem substituído, irei cuidar de minha nova tarefa no céu.

Mas, de vez em quando, dê uma espiadinha na direção de Deus.

Você não me verá, mas eu ficaria muito feliz vendo você olhar para Ele.

E, quando chegar a sua vez de ir para o Pai, aí, sem nenhum véu a separar a gente, vamos viver, em Deus, a amizade que aqui nos preparou para Ele.

Você acredita nessas coisas?

Sim? Então ore para que nós dois vivamos como quem sabe que vai morrer um dia, e que morramos como quem soube viver direito.

Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente, e se inaugura aqui mesmo o seu começo.

Eu não vou estranhar o céu. Sabe porque? Porque ser seu amigo já é um pedaço dele!






Família é o nosso maior amor ... sejamos gratos por tê-la !





 



Não existe dia ruim



Fabrício Carpinejar

Não existe dia ruim. Sempre há chance do dia ser feliz. Mesmo que seja tarde. Mesmo que seja de madrugada. Uma gentileza salva o dia. Um bife milanesa salva o dia. Uma gola branca e engomada salva o dia. Uma emoção involuntária salva o dia. Nunca o dia está inteiramente perdido. Não devemos acreditar que uma tristeza chama a outra, que se algo acontece de errado tudo então vai dar errado. Lei de Murphy não foi aprovada pela Câmara dos Deputados.

Confio no improviso, na casualidade, no movimento das cortinas na janela. Até o último minuto antes da meia-noite, você pode resgatar o contentamento. É uma gargalhada do filho diante da papinha, transformando a cadeira num imenso prato. É algum amigo telefonando para confessar saudade. É sua mulher procurando beijar a orelha mandando sinais de seu desejo. É o barulho da chuva na calha, é o estardalhaço do sol na varanda. É encontrar – iniciando na tevê – um filme que adora e já assistiu cinco vezes. É oferecer colo ao seu gato. É planejar uma viagem de férias. É terminar um livro que abandonou pela metade. É ouvir sua coleção de LPs da adolescência. É comprar uma calça jeans em promoção. É adormecer no sofá e receber a coberta silenciosa de sua companhia. É a possibilidade feminina de passar um batom e pintar as unhas. É possibilidade masculina de devolver a bola quando ela sobe a cerca num jogo de crianças A felicidade é pobre. A felicidade precisa de apenas um abraço bem feito.

Sigo esperançoso. Não coleciono tragédias. Sofro e apago. Sofro e mudo de assunto, abro espaço para palavras novas, para lembranças novas. Vejo o esforço da abelha tentando sair do vidro, e não sou melhor do que ela. Vejo o esforço da formiga carregando uma casca de laranja, e não sou melhor do que ela. Viver é esforço e nos traz a paz de sonhar – querer não fazer nada é que cansa. Não existe dia que não ganhe conserto. Não existe dia morto, dia de todo inútil. Não desista da alegria somente porque ela se atrasou. Pode ter recebido esporro do chefe, ainda assim a hora está aberta. Comer um picolé de limão é capaz de restituir sua infância. Não encerre o expediente com o escuro do céu. Pode não ter grana para pagar as contas e ter que escolher o que é menos importante para adiar, ainda assim é possível se divertir com o cachorro carregando seu chinelo para o quarto.

Quando acordo com o pé esquerdo, sou canhoto. Não existe dia derrotado.






Não há velho em meu caminho



Não vejo velhos neste meu caminho,

mas a tarde de seres experientes,

para nos dar conselhos e carinho,

com suas vivências de antigamente.

Velho é o mar, que brame em desalinho,

velho é o sol, com raios muito quentes,

velha é a Terra, que é o nosso ninho,

velho é o amor, que salva muita gente.

Somos universitários da vida

e do tempo, com horas tão corridas,

com muitas luzes, amor e saber.

Se alguém passar, com as pernas doloridas,

passos lentos, sem forças na subida,

dê-lhe as mãos, que a tarde espera você.


O conhecimento torna a alma jovem e diminui a amargura da velhice. Colhe, pois, a sabedoria. Armazena suavidade para o amanhã.


Quando a velhice chegar, aceita-a, ama-a. Ela é abundante em prazeres se souberes amá-la. Os anos que vão gradualmente declinando estão entre os mais doces da vida de um homem. Mesmo quando tenhas alcançado o limite extremo dos anos, estes ainda reservam prazeres.


O intervalo de tempo entre a juventude e a velhice é mais breve do que se imagina. Quem não tem prazer de penetrar no mundo dos idosos não é digno da sua juventude...


Vive cada dia para que tua velhice venha a ser a coroação de tua juventude. A velhice de uma pessoa sábia, feliz e realizada, que viveu tudo o que podia, é como a melhor das primaveras !


A velhice nos trás direitos maravilhosos. Enquanto a juventude é cheia de obrigações. A velhice é o tempo em que vivemos a doce inutilidade. Porque mais cedo ou mais tarde iremos experimentar esse território desconcertante da inutilidade. Esse é o movimento natural da vida.

Perder a juventude é você perder a sua utilidade, é uma conseqüência natural da idade que chega. A velhice é o tempo em que passa-se a utilidade e aí ficasse somente o significado da pessoa. É o momento que a gente se purifica.

É o momento que a gente vai tendo a oportunidade de saber quem nos ama de verdade. Porque só nos ama pra ficar até o fim aquele que, depois da nossa utilidade, descobriu o nosso significado.

É por isso que sempre rezo para envelhecer ao lado de quem me ama. Para poder ter a tranqüilidade de não ser útil, mas ao mesmo tempo não perder o valor. Se você quiser saber se alguém te ama de verdade, é só identificar se ele seria capaz de tolerar a sua inutilidade. Quer saber se você ama alguém?

Pergunte a si mesmo, quem nesta vida que pode ficar inútil pra você sem que você sinta o desejo de jogá-lo fora. E é assim que nós descobrimos o significado do amor... Só o amor nos dá condições de cuidar do outro até o fim!

Feliz daquele que tem ao fim da vida, a graça de ser olhado nos olhos, e ouvir a fala que diz: - Você não serve pra nada, mas eu não sei viver sem você!






Ao amanhecer



 

Ao amanhecer - Joanna de Ângelis

" Dia novo, oportunidade renovada.

Cada amanhecer representa divina concessão que não podes nem deves desconsiderar.

Mantém, portanto, atitude positiva em relação aos acontecimentos que devem ser enfrentados; otimismo diante das ocorrências que surgirão; coragem no confronto das lutas naturais; recomeço de tarefa interrompida; ocasião de realizar o programa planejado.

Cada amanhecer é convite sereno à conquista de valores que parecem inalcançáveis.

À medida que o dia avança, aproveita os minutos, sem pressa nem postergação do dever.

Não te aflijas ante o volume de coisas e problemas que tens pela frente.

Dirige cada ação à sua finalidade específica.

Após concluir um serviço, inicia outro e, sem mágoa dos acontecimentos desagradáveis, volve à lição com disposição, avançando, passo a passo, até o momento de conclusão dos deveres planejados.

Não tragas do dia precedente o resumo das desditas e dos aborrecimentos.

Amanhecendo, começa o teu dia com alegria renovada e sem passado negativo, enriquecido pelas experiências que te constituirão recurso valioso para a vitória que buscas."

Do cap. 1 do livro Episódios Diários, de Joanna de Ângelis, obra  psicografada pelo médium Divaldo Pereira Franco.




A Sociedade da Neve na Netflix











A fé, o amor e a resistência



Bernardino Nilton Nascimento

A fé é testada de muitas maneiras, às vezes até com situações desfavoráveis, por isso, o universo quer sentir a nossa persistência e a resistência, algumas provas serão longas e outras curtas, mais todas devem ser enfrentadas pacientemente.

O amor também é testado e muitos enfrentam situações também desagradáveis, mais nada deve superar a vontade, o poder de reação e o equilíbrio emocional.

A vida é como um elástico forte, estica, sente a resistência e volta tudo a normalidade.

É através do amor que os milagres acontecem, que a vida muda seu rumo e que se busca a compreensão. O amor tem suas turbulências, mais também tem suas recompensas. Devemos sempre ter sentimentos de compaixão, perdão e gratidão, esses três juntos produzem o equilíbrio.

A vida é feita de melhorias continuas, de lições não resolvidas e de situações que deixamos passar sem manifestar reações, não estamos no planeta pelos acertos, estamos pelos erros. É dever de todos buscar harmonizar-se, buscar conhecimento, aprender e ensinar, falam muito em círculos da vida, mais não citam o círculo de aprender para ensinar.

O universo tem sua consciência, o planeta e nós também, tudo tem sua consciência, tudo faz sentido e tudo tem um motivo de ser.

Tudo que olhamos, tudo que usamos damos vida, damos sua consciência na certeza de que a luz do conhecimento ilumina o mundo.

Mantenha-se confiante e de bom humor, mantenha sempre a fé em Deus e não se preocupe com o tempo, o planeta gira em câmera lenta para testar nossa paciência. Continue firme e confiante, as soluções nunca ficaram de fora das nossas vidas.

Devemos ter pensamentos positivos para facilitar o fluxo das boas energias.

BNN




Carta aos intensos



Assim como eu

Você também sabe como é queimar na fogueira dos sentimentos

Ser taxado de louco e desequilibrado

Num mundo que aplaude as aparências

Não nos prendemos nas cadeias invisíveis da consciência

E não temos vocação pro raso.

Gostamos do mergulho em águas desconhecidas

Falamos muitas vezes o que não queremos

Pois os sentimentos nos estrangulam

Precisamos colocar pra fora e sempre pecamos pelo excesso

Nossas almas inquietas desejam beijar o céu

Mas muitas vezes sentimos dentro de nós o próprio inferno

Saltamos no abismo sem pensar

Nosso coração bate com pressa

Sabemos que a vida se esgota num piscar de olhos

E que o calendário sempre marca um dia a menos

Estamos sempre em colisão na contramão do mundo

Dançamos na tempestade

Choramos nos filmes tristes

Gritamos de raiva

Abraçamos demoradamente

Amamos loucamente e temos extrema dificuldade com o fim

Sentimos em doses absurdamente maiores

Vivemos com a urgência dos apaixonados

Encaramos no espelho todos os dias

O nosso maior inimigo e o nosso maior perigo

Somos tudo aquilo que grita dentro de nós

Nascemos à flor da pele e pagamos o preço por isso

Sabemos que a vida é para os que se atrevem

E nós atrevidamente vivemos.

Bruno Missurino






Onde está Deus ? ELE nos envia estes seres solidários ! Nós, gaúchos, agradecemos !





















   


Com fé, esperança e empatia estamos conseguindo : Let It Be

 

 










Pacto com a felicidade



De hoje em diante todos os dias
Ao acordar, direi:
Eu hoje vou ser feliz!

Vou lembrar de agradecer ao sol
Pelo seu calor e luminosidade,
Sentirei que estou vivendo, respirando.

Posso desfrutar de todos os
Recursos da natureza.
Gratuitamente.
Não preciso comprar o canto dos
Pássaros, nem o murmúrio das ondas do mar.

Lembrarei de sentir a beleza das árvores, das flores.
Vou sorrir mais, sempre que puder.

Vou cultivar mais amizades
E neutralizar as inimizades.
Não vou julgar os atos dos meus
Semelhantes ou companheiros.
Vou aprimorar os meus.

Lembrarei de ligar para alguém
Para dizer que estou com saudades!

Reservarei minutos de silêncio,
para ter a oportunidade de ouvir.

Não vou lamentar nem amargar as injustiças.
Vou pensar no que posso fazer para
Diminuir seus efeitos.

Terei sempre em mente que um minuto passado, 
Não volta mais,
Vou viver todos os minutos proveitosamente.

Não vou sofrer por antecipação prevendo futuros incertos, nem com atraso, lembrando de coisas sobre as quais não tenho mais ação.

Não vou pensar no que não tenho e que gostaria de ter, mas em como posso ser feliz com o que possuo.
E o maior bem que possuo é a própria vida.

Vou lembrar de ler uma poesia e de ouvir uma canção, vou dedicá-las a alguém.

Vou fazer alguma coisa para alguém,
Sem esperar nada em troca,
Apenas pelo prazer de ver alguém sorrir.
Vou lembrar que existe alguém que me quer bem,
Vou dedicar uns minutos de pensamento
Para os que já se foram para que saibam que será sempre uma doce lembrança,
Até que venhamos a nos encontrar outra vez.

Vou procurar dar um pouco de alegria para alguém, especialmente quando sentir
Que a tristeza e o desânimo querem se aproximar.

E quando a noite chegar,
Vou olhar o céu, para as estrelas
E para o luar e agradecer a Deus,
Porque hoje eu fui FELIZ!

Autoria Desonhecida ( na Internet são citados variados autores, mas não confirmados )